"Química perfeita! A expressão resume o que foi o show "Guitar Night", de encerramento da turnê do projeto "Oi blues by night", que aconteceu no último final de semana, no anfiteatro do Centro Dragão do Mar de arte e cultura, em Fortaleza. O evento reuniu, num mesmo palco, feras do blues nacional como o guitarrista Greg Wilson, integrante da banda pioneira de blues brasileiro, Blues Etílicos e a banda Blues Power Trio... O guitarrista EDSON TRAVASSOS deu o tom da noite, mostrando toda a sua verve musical empolgando o público em seus primeiros acordes, principalmente quando ele diviviu o palco com outro bluseiro de mão cheia, o cearense Felipe Cazaux. A dupla, que tem um bom entrosamento musical, deu um show a parte, revelando que a nova geração do blues que está chegando veio para ficar. Felipe fez uma participação especial no trabalho de Edson, que não fez por menos e emprestou o seu talento para o disco do amigo e parceiro. Da guitarra "envenenada" de Edson Travassos ecoaram músicas com influências que remetem ao swing, rockabilly, funk, soul e ao bom e velho rock and roll. Entre elas, "Sossego", do pai do Soul no Brasil, Tim Maia, e do lendário guitarrista Jimi Hendrix,"Hey Joe", com a qual encerrou a sua participação..."

(Samartony Martins - Jornal "O Imparcial" - outubro de 2007)

 

  "...O MANIFESTO BLUES é uma revelação do blues brasiliense, um power trio coeso e dinâmico. O guitarrista  EDSON TRAVASSOS tem influências pouco óbvias como Brian Setzer, mas sem esquecer Stevie Ray Vaughan e Jimi Hendrix. O grupo completa-se com Júnior Barros (baixo) e Marcelo Souto (bateria). O CD do trio tem participações de Jefferson Gonçalves, Big Joe Manfra  (guitarra), Sérgio Rocha (guitarra) e Fábio Mesquita (baixo) - 0s dois últimos, integrantes do Blues Power e ex-Baseado em Blues...!"

(Helton Ribeiro - Revista Blues'n'Jazz - novembro de 2006)

 

  "O CD de estréia da banda MANIFESTO BLUES, intitulado BLUZ'IN, apresenta composições próprias e participações especiais de importantes músicos de blues, como Big Joe Manfra, Sérgio Rocha, Jefferson Gonçalves, entre outros. O álbum apresenta arranjos elaborados e belos timbres de guitarra. O Power Trio conta com EDSON TRAVASSOS (guitarra e vocais), Júnior Barros (baixo) e Marcelo Souto (bateria). Travassos tem formação musical baseada principalmente no blues, passando por influências que remetem ao rockabilly, funk, soul e rock..."

(Gustavo Martins - Revista "Guitar Player" - abril de 2006)

 

  "... Apesar de ser uma banda cuja base musical está moldada na música negra de raiz estadunidense, a MANIFESTO BLUES bebe em diversos outros estilos e gêneros, como o soul, o funk, o rockabilly e o pop... Gravado em Brasília e no Rio de Janeiro, BLUZ'IN tem um som límpido e encorpado."

(Eduardo Júlio - Jornal "O Imparcial" - janeiro de 2006)

 

  "O grupo de Brasília (MANIFESTO BLUES) é um power trio diferente. Tem um som forte e coeso, como se espera de uma formação desse tipo, mas vai muito além...Pode assinar embaixo desse manifesto!"

(Helton Ribeiro - Revista Blues'n'Jazz - agosto de 2005)

 

  "O grupo de Brasília, MANIFESTO BLUES, fez um show vigoroso, como se espera de um verdadeiro power trio. Embora influenciado por Stevie Ray Vaughan e Stray Cats, tem estilo próprio, melodioso e com letras em português... Um dos pontos altos no show da MANIFESTO foi o duelo de guitarras entre EDSON TRAVASSOS e Felipe Cazoux, das Double Blues, de Fortaleza..."

  (Helton Ribeiro - Revista Blues'n'Jazz - maio de 2005)

 

  "Show de EDSON TRAVASSOS: Coisa FIna!"

(O Estado do Maranhão - dezembro de 2004)

 

 

 

 

   

 

 
* grifos nossos.